gallery/city

Rede de parceiros

ANUNCIE AQUI!

PARCEIROS

gallery/person-holiday-vacation-woman

As chuvas e as suas consequências na plantação

gallery/contract

O volume de chuvas em Mato Grosso, ainda abaixo do ideal para o início do plantio da safra 2015/2016 faz com que produtores mato-grossenses estejam cautelosos em relação ao ritmo dos trabalhos, disse a Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja-MT).

Segundo o vice-presidente da região norte da Aprosoja-MT, Silvésio de Oliveira, apenas 100 hectares foram plantadas nas últimas duas semanas, principalmente de áreas irrigadas.

 

No oeste de Mato Grosso, as chuvas tampouco se regularizaram, e o plantio deve começar, de fato, em meados de outubro. O recado importante é que o produtor regule suas plantadeiras, todas suas máquinas, e prepare-se.

Daqui para frente, dependemos do clima e uma chuva em um dia, de 50 milímetros, vai fazer com que plantemos por um ou dois dias", relatou o vice-presidente da região oeste da associação, Vanderlei Reck Junior, na mesma nota.

 

"Porém, devido à pouca quantidade de chuva, os produtores não estão começando ou, quem começa, começa de forma cautelosa. De forma geral, nossa região que, por tradição, planta cedo, está atrasada", disse Oliveira.